Juliana Brum

O amor pelo sertanejo é algo normal no MS, o Estado é conhecido como um dos celeiros que já lançaram muitos nomes que hoje estão nas paradas de sucesso de todo o país, uma dupla que já consolidou o seu trabalho e também já despertou o interesses de cantores antigos e famosos destra estrada é Paulo Sérgio e Santhiago.

Há 6 anos já estão nesta estrada que geraram importantes frutos. O que antes era algo informal e apenas uma brincadeiras nas horas livres entre amigos se tornou sério e projeto de vida.

A dupla se diferencia porque não deixa o sertanejo de raiz, ou os verdadeiros “modões” serem esquecidos, donos de uma voz rara e altamente potente fazem shows na Capital e no interior.

Afinação, contraltos e muita conexão fazem parte deste entrosamento que dão o toque especial da dupla que cativam fãs por todo o MS.

Confira o ping pong exclusivo com a dupla:

Esta união e cumplicidade da dupla vocês comparam com um casamento bem sucedido?

Dupla: É uma relação bem parecida com um casamento, mas sem os carinhos afetivos, sempre imperando o respeito e a tolerância. Agente nunca teve nenhum tipo de discussão.

 Como é lidar com os fãs?

Dupla: É a melhor parte é o reconhecimento dos fãs que seguem agente e gostam do nosso trabalho. Tem caso de pessoas que saem da Capital e vão para o interior para acompanhar nossos shows. Sem dúvida é a melhor parte!

Em ano eleitoral vocês são mais chamados para tocar ou com o fim dos showmícios, isto não acontece mais?

Dupla: Nesta época era bom para todo mundo, porque era cultura que também era levada para a população sem deixar de beneficiar todos os envolvidos.

Como artistas o que vocês mais sentem falta nos atuais governos em relação a classe artística do MS?

Dupla: Infelizmente hoje estamos carente deste reconhecimento aqui no MS. A dupla é muito mais reconhecida fora do Estado do que dentro de Casa.

Hoje com tantas duplas novas quais nomes são referências para vocês dentro da vertente do clássicos ou “modões”, que surgiram e que também se tornaram referências?

R: Muitos fãs comparam nossas vozes com a dupla Christian e Half, devido a semelhança da potência das nossas vozes, e nós os admiramos muito e sempre cantamos canções deles em nossos shows.

Para grandes eventos e shows há um repertório diferenciado?

Dupla: Procuramos cantar canções que marcaram a vida do público. Canções imortalizadas, costumamos ensaiar no começo do ano o repertório que vamos focar já que há toda organização da banda e dupla assim tornando os ensaios, mini shows.

Há uma maior dificuldade de aceitação ou para emplacar em shows e eventos nacionais o estilo de sertanejo que cantam?

Dupla: Sem dúvida o mercado como um todo é complexo e complicado, e a dificuldade existe para todos os gêneros. O nosso público é fiel, mas temos sempre que buscar o nosso espaço e devemos também ao público que ama este estilo e nos acompanham sempre!

Quais duplas consagradas já elogiaram vocês?

 R: Xoróro, Leonardo, Chico Rei e Paraná, Roupa Nova, pelos próprios Christian e Half dentre outros os quais tivemos a honra de abrir os espetáculos e fomos prestigiados com elogios ao nosso trabalho.

Vocês estão dentre os nomes cotados para agitar a virada deste ano em Três Lagoas, como é fazer show nesta região?

Dupla: Estamos na torcida porque Três Lagoas é uma das cidades que temos muitos amigos e gostaríamos muito de nos apresentar e fechar com chave de ouro o ano.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here