​Rede de controle e fiscalização atesta transparência do governo de Reinaldo Azambuja

O governador de Mato Grosso do Sul Reinaldo Azambuja (PSDB) seguiu a doutrina de transparência durante disputa. O esforço na prestação de contas públicas foi reconhecido duas vezes pela Rede de Controle da Gestão Pública de MS, composta por órgãos de fiscalização como a Advocacia Geral da União, Controladoria Geral da União, Ministério Público Estadual, Polícia Federal e Tribunal de Contas da União.

Conforme a assessoria, a metodologia utilizada é aprovada pela Estratégia Nacional de Combate à Lavagem de Dinheiro e de Recuperação de Ativos (Encla). O Portal da Transparência do Governo do Estado recebeu nota 10 em avaliação realizada pela Rede de Controle da Gestão Pública.

De acordo com o levantamento, de 2015 – início da gestão do governador Reinaldo Azambuja –até o fim de 2017, o índice estadual de transparência apresentou evolução de 714%.

“A transparência é um compromisso da nossa campanha e, mais do que isso, uma ferramenta de incentivo à população para que participe ativamente da gestão. Hoje o controle dos gastos públicos passa por busca de mais eficiência, com uso de tecnologia de informação para diminuir gastos com a máquina pública. Saímos do último lugar em outubro de 2015 com nota 1,4 para receber a segunda nota 10, entregue pela Rede de Controle. Esse trabalho envolve toda a equipe. São pouquíssimos estados que têm essa nota e é um orgulho muito grande poder alcançar esse ganho coletivo”, comemora Reinaldo.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here