“Aproximadamente R$ 1 bilhão de reais foram investidos nos últimos três anos pela Sanesul em MS”, diz Luiz Rocha

Em entrevista exclusiva à Rádio Diamante FM, ao programa “A Bronca do Eli”, com o jornalista Eli Sousa, ex-prefeito de Laguna Carapã e atual diretor-presidente da Sanesul, Luiz Carlos da Rocha Lima, destaca importância do programa “Avançar Cidades” e as obras realizadas nos 79 municípios nos últimos 3 anos em que está a frente da Empresa de Saneamento Básico de Mato Grosso do Sul.

 

Há três anos a frente da Sanesul, Luiz Rocha diz que quando assumiu a empresa já haviam projetos em andamento, por ser uma empresa de saneamento não para. “Continuamos os projetos, concluímos muitas obras e demos início a demais obras que eram necessárias”.

 

A Sanesul está presente em 68 municípios dos 79 existentes no Estado e 60 distritos, levando saneamento básico de qualidade para a população dessas regiões além de diversos trabalhos sociais que são realizados em parceria com prefeituras e entidades para educação social. “São atendidas uma população de aproximadamente 1 milhão e 600 mil pessoas. Levamos água tratada, com 100% da população atendida e avançamos gradativamente na cobertura de esgotamento sanitário buscando uma qualidade de vida para a população”, diz Luiz Rocha.

Questionado sobre os municípios do interior do Estado que tem autarquia própria, como Rochedo e Corguinho, quando passa para a Sanesul a responsabilidade é maior, o investimento e o benefício é maior para a população, “Nesses municípios que temos contrato de concessão da Lei Federal 8.455, temos contrato de 30 anos e gradativamente vamos fazendo os investimentos necessários e mantendo sempre o fornecimento de 100% de água tratada a população existente e atendendo o crescimento gradativo da população”, aponta direto-presidente Luiz Rocha.

A Sanesul é uma empresa de responsabilidade social, quando comparada a Águas Guariroba, distribuidora de água tratada e esgotamento de Campo Grande, onde o fornecimento de água tem um valor excessivo cobrado à população da Capital, e não tem central de atendimento, diretor-presidente Luiz Rocha destaca central de atendimento ao consumidor e prestação de serviço realizado pelos funcionários para a solução dos problemas relatados a empresa, “Nós temos o 0800 67 6010, para atendimento ao consumidor, e nós temos todo um cuidado enquanto diretoria, que é uma diretriz do governo, para termos um contato, uma aproximação com todos os nossos clientes, atendendo a todas as solicitações, seja na falta de água ou em alerta para alguma manutenção ou serviço a ser realizado. Sempre temos a preocupação de avisar a população sobre a possibilidade de falta de água através da imprensa. Temos o respeito pelo cliente e pela população de Mato Grosso do Sul, avisamos sobre todos os investimentos, todo serviço que está sendo realizado. Temos escritórios em todos os municípios que atuamos, temos uma van que faz atendimento localizado dependendo da necessidade, quando se entrega um novo investimento habitacional, buscando agilizar os nossos serviços”, destaca Luiz Rocha.

Foram investidos entre recursos de obras que foram concluídas no início da gestão do diretor-presidente Luiz Rocha, obras que estão projetadas e que foram concluídas nos últimos 3 anos, Luiz Rocha enfatiza empenho da Sanesul em investimentos com recursos próprios e parceria com o governo, “Temos investimento de aproximadamente R$ 1 bilhão de reais, entre obras que foram concluídas, que estão em andamento e que estão projetadas para ter início em breve na grande maioria dos municípios de Mato Grosso do Sul. Algumas sendo entregues até o final de 2018 e outras que continuaram em andamento durante o ano de 2019. Buscamos um empréstimo de R$ 190 milhões com a Caixa Econômica Federal, apresentando mil e 740 projetos apresentados ao Ministério das Cidades, 7 Estados foram contemplados e desses Mato Grosso do Sul estava na lista. Para conseguir esse empréstimo na Caixa, precisamos ter equilíbrio financeiro, além de outros critérios exigidos pela CEF e pelo Ministério das Cidades”, diz Luiz Rocha.

Mato Grosso do Sul é o primeiro Estado a assinar o contrato referente ao Programa Avançar Cidades, com a liberação de R$ 190 milhões de reais que beneficiará 16 municípios em obras de saneamento básico, “Fomos informados pela Caixa Econômica Federal que somos o primeiro Estado a assinar esse contrato, onde tivemos um grande empenho não só da equipe da Sanesul, como do nosso Governador Reinaldo Azambuja, que se empenhou pessoalmente com o Ministro, com o presidente da CEF, e que nos leva a oportunidade de beneficiar em torno de 200 mil pessoas”.

Em evento realizado na sede da Sanesul na Capital, nessa quarta-feira (20-06), onde 16 municípios foram beneficiados e assinaram o contrato com a Empresa e com o Governo do Estado, Luiz Rocha explica a forma e os critérios para escolha das cidades que foram contempladas com parte dos R$ 190 milhões arrecadados para as obras de saneamento no Estado. “Nós colocamos 31 projetos no Ministério das Cidades, buscando beneficiar 31 cidades de Mato Grosso do Sul, porém, pela seleção, pelo critério do Ministério e depois pela CEF, esses 16 que foram contempladas, mas já estamos na segunda fase do Avançar Cidades, com 32 municípios, desses que não foram contemplados e um valor de aproximadamente R$ 256 milhões de reais, e temos uma expectativa muito grande de que tenhamos no mínimo 80% dos projetos atendidos”, destaca.

O Governo do Estado está empenhado em atender todos os 79 municípios, diretor-presidente Luiz Rocha alega que independente de partido político e tamanho da cidade, a intenção da Empresa de Saneamento Básico e do Governo do Estado é atender a todos. “Reinaldo Azambuja tem buscado atender a todas as cidades com qualidade de vida. Eu já ouvi de pessoas que saneamento básico não dá voto, mas leva melhorias na qualidade de vida, o governador Reinaldo Azambuja busca tem dado oportunidade a municípios que não tinham nenhum saneamento básico, esgotamento, a aqueles que precisavam de melhorias em seu sistema”.

A Sanesul é uma empresa viável que beneficia a população, e tem diversos projetos desenvolvidos pela entidade, “estamos com diversos projetos até o final do ano, temos apoio do governador e praticamente sempre estamos lançando novas obras. Além do Avançar temos 150 obras em andamento no Estado, fazendo o saneamento em Mato Grosso do Sul. Temos 68 municípios que são atendidos pela Sanesul, para que as demais cidades tenham atendimento da Empresa é preciso assinar a tratativa, temos que conversar para verificar as possibilidades dos municípios, os recursos recebidos pela Sanesul tem apoio da bancada federal buscando contemplar MS”, conclui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *