Cidades devem ter 15 mil habitantes para ter ‘pré-vestibular’ gratuito em MS

0
253

Resolução da secretaria estadual de Educação de Mato Grosso do Sul (SED) estipula que o Curso Estadual Preparatório para Ingresso na Educação Superior (Cies) será oferecido somente em cidades que possuam população acima de 15 mil habitantes e desde que exista demanda de estudantes e ainda professores habilitados a ministrarem as aulas. A legislação foi publicada na edição desta segunda-feira (29), do Diário Oficial do estado.

Cies é um curso totalmente gratuito, oferecido pela SED mas escolas da rede estadual e que prepara estudantes que concluíram ou estão concluindo o Ensino Médio ou a Educação para Jovens e Adultos (EJA) para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e vestibulares.

Neste ano, a SED ofereceu no primeiro semestre 3 mil vagas para o Cies em 30 municípios do estado, alguns, como Aral Moreira e Bodoquena, por exemplo, tem menos de 15 mil habitantes e estariam fora do principal pré-requisito para receber o cursinho gratuito.

Entretanto, para casos como o destas cidades, a resolução abre uma possibilidade do município receber o cursinho, desde que exista orçamento, uma autorização da SED, demanda, professores habilitados e ainda parcerias para viabilizar a iniciativa.

Conforme a resolução o número minimo de alunos para a abertura de cada turma do Cies será de 25 estudantes e a quantidade de turmas estará condicionada ao espaço física da escola que receberá o cursinho.

A relação dos municípios que receberão o Cies, bem como das escolas participantes e da quantidade de vagas serão disponibilizada, conforme a SED, anualmente no site da secretaria.

 

G1 MS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here