Dia dos namorados: como curtir sem sabotar a dieta?

Com o dia dos namorados chegando, os apaixonados se planejam para surpreender seus amores, afinal, todo mundo gosta de uma surpresa, não é mesmo? Algo que é sempre muito bem-vindo e não tem erro é aquele jantarzinho romântico: uma comida saborosa, uma bela decoração e, claro, o bom e velho vinho, que não ficaria de fora numa data especial como essa. Porém, mesmo que seja um momento diferente para os pombinhos, é importante se preocupar em como será essa refeição a dois, para não sair da dieta, ou melhor, para não exagerar e se arrepender depois.

E de acordo com especialistas, o conceito da palavra dieta é o conjunto de hábitos alimentares que cada indivíduo tem e isso independe se é uma alimentação considerada saudável ou não. Desta forma, não é errado caprichar nos pratos para ter um Dia dos Namorados inesquecível, mas é importante ter responsabilidade com o que come. Desta forma, por que não fazer um jantar romântico sem neuras, mas com muito sabor e equilíbrio para curtir este momento a dois?

Cuidar da alimentação é também um ato de amor

Sim, cuidar da alimentação é um ato de amor, mas, neste caso, de amor próprio. No entanto, quando é possível fazer isso em conjunto com outras pessoas, acaba tendo um incentivo a mais. E ser incentivado é algo importante para os brasileiros, já que, a maioria fez algum tipo de regime nos últimos meses para perder peso. Isso é o que indica a pesquisa “Hábitos alimentares do brasileiro: preferências, dietas e tendências de consumo”, realizada pela Banca do Ramon, que mostra que 74% entrevistados fizeram dieta no último ano com o objetivo de emagrecimento.  O levantamento também mostra que 82,3% prefere preparar um jantar mais elaborado em ocasiões especiais.

E para a nutricionista consultora da Banca do Ramon, Nathália Gazarra, esses dados mostram que a tendência é se preocupar mais com alimentação, buscando qualidade e saúde. “O brasileiro tem se preocupado mais com a própria alimentação, mas nem sempre tem tempo para cozinhar diariamente,  o que faz com que as pessoas usem bastante aplicativos de delivery, mas nem sempre é uma refeição saudável, no entanto, quando surgem ocasiões especiais, é natural que optem por preparar algo diferente, não apenas para surpreender alguém, mas para apreciar uma boa refeição”, detalha.

Dicas de pratos nutritivos e saborosos

São muitas opções que podem fazer do Dia dos Namorados não apenas uma data comemorativa, mas também inesquecível. Pratos de entrada, principal, sobremesa, parecem ser muitos detalhes para dar conta e ainda se preocupar com o que faz bem à saúde ou não.  Sendo assim, veja algumas ideias que podem tornar a noite dos apaixonados, não só romântica, mas, também um momento de apreciação de uma boa refeição.

Pratos de entrada

Cenoura com molho: A cenoura é muito conhecida por ser rica em betacaroteno, o antioxidante que deixa o legume com a cor alaranjada. No entanto, é também fonte de vitamina A, vitamina B, vitamina B3 e vitamina C, além de ser rica em fibras, potássio, fosforo, cálcio e sódio. Para fazer este prato é necessário temperar a cenoura, e depois assar, mas em algumas receitas, pode ser cozida. O molho pode ser feito com tahine ou algum outro tipo de ingrediente que não seja gorduroso, mas vai da imaginação de cada um. “Essa é uma opção leve e saudável. O consumo de cenoura traz muitas vantagens para a pele, visão e digestão, ou seja, além de ser muito saborosa é um combo de benefícios para o corpo”, explica a nutricionista.

Caponata de berinjela e abobrinha:  Essa uma opção muito saudável, fácil de fazer e com poucas calorias. A berinjela possui nutrientes que ajudam a melhorar a circulação sanguínea, além disso, contem flavonoides, que ajuda a diminuir a probabilidade de ter doenças cardíacas. Já a abobrinha faz bem para a saúde como um todo, pois, ela tem vitamina A, potássio e ácido fólico.

Tomate recheado: Esse prato, sem sombra de dúvidas é muito versátil, pois, além de ser muito atrativo, o recheio fica ao critério de cada um. O tomate é muito nutritivo: é rico em fibras, é diurético, fonte de vitaminas do complexo B, possui vitamina C e ainda ajuda e prevenir diversos tipos de câncer.  “Para a receita ficar ainda mais rica e saudável, é recomendado fazer o recheio com vegetais ou queijo magro e usar tempero naturais. É um prato que permite usar a criatividade, experimente tomate recheado com atum em lata, exemplifica Gazarra.

Folheosas 

Salada de lentilha: muito comum em pratos de fim de ano, no entanto, por ser extremamente benéfica a saúde, deveria ser consumida mais vezes, então, que tal aproveitar o Dia dos Namorados e preparar este prato saboroso e nutritivo? A lentilha auxilia no bom funcionamento do coração, melhora a sensação de humor, ajuda a fortalecer o sistema autoimune, além de outros benefícios. Ela oferece tudo isso porque é muito rica em zinco, fibras, antioxidantes, magnésio, ferro e ácido fólico.

Salada de beterraba com nozes: Pode não ser muito comum, mas para quem prefere algo mais sofisticado, com certeza é uma ótima opção. De acordo com a nutricionista, a beterraba, além de ser doce e suculenta, é rica em manganês, mineral muito importante para o crescimento da cartilagem e dos ossos, também possui composto de nitrato que ajuda a melhorar o nível de colesterol no corpo, além de outras vantagens. Já as nozes, integrante da família das oleaginosas, mesmo sendo um pouco mais calórica, também contribui com a saúde cardiovascular, controlando o nível de colesterol, ajuda na prevenção contra o câncer de próstata e ainda contribui com a perda de peso, graças ao teor de proteínas e fibras.

Salada de folhas verdes: Essa já é mais comum na mesa dos brasileiros, mas não significa que não possa fazer parte de um momento especial, afinal, é muito saborosa e agrada diversos tipos de paladares já que pode ser feita uma salada com várias folhas diferentes, como o couve ou espinafre, que são ricos em fibras, vitaminas do complexo B, ferro, magnésio, entre outros nutrientes importantes para o corpo. “Existe uma variedade grande de folhas verdes e todas deveriam ser consumidas com mais frequência. Rúcula, almeirão, acelga, agrião, são sempre bem-vindos nos pratos”, detalha a nutricionista da Banca do Ramon.

Prato principal

Salmão com castanhas:  Este é um prato muito sofisticado e ao mesmo tempo saudável. Uma ótima pedida para quem gosta de algo mais requintado e quer impressionar. O salmão é um dos peixes mais deliciosos, além de ser rico em ácidos graxos e vitamina D. Seu consumo ajuda a proteger a saúde do cérebro, e é um aliado para quem quer emagrecer ou controlar o peso, não é toa que sempre está entre os alimentos mais nutritivos. Já as castanhas fazem parte das oleaginosas e é altamente nutritiva, no caso da a castanha-do-pará é rica em selênio e tem poder antioxidante, ajudando a prevenção contra envelhecimento e no combate de algumas doenças, como câncer. Já a castanha de caju é fonte de gorduras saudáveis e contém ferro, cálcio e zinco.

Lasanha de vegetais: Apostar na lasanha é garantia de sucesso, pois, o prato é um dos queridinhos entre as pessoas, no entanto, é muito calórica, porém, para aliviar, ao invés de fazer uma cheia de massa, que tal incluir alguns vegetais? “É possível optar por alguns pratos que são mais tradicionais e fazer algumas adaptações para deixá-los menos calóricos, mas tão saborosos quanto. Pode inserir abobrinha, tomates, berinjelas, entre outros, são vegetais cheios de nutrientes. Mas podem incluir outros também, fica a critério de cada um”, diz a especialista.

Macarrão caprese integral: os pratos integrais também são uma aposta para quem busca algo mais leve. E o macarrão pode ser uma boa escolha, por ser prático e pela possibilidade de combinar com outros ingredientes, como tomate, manjericão e muçarela de búfala. Segundo a nutricionista, o macarrão integral possui propriedades nutricionais como fibras, minerais, vitaminas e ainda promove saciedade.

Apesar de ser carboidrato, consumir esporadicamente em quantidades adequadas, não tem problema algum. “Nosso organismo também precisa de carboidrato, por isso as dietas restritivas não são indicadas. A massa integral ajuda no bom funcionamento do intestino e contém vitaminas do complexo B, magnésio e ferro. Ou seja, é sempre bem-vindo ao cardápio, mas como sempre, com moderação”, detalha.

O vinho também é recomendado…

O vinho não poderia ficar de fora de um jantar romântico, não é? A bebida é muito apreciada, e não é para menos, pois a bebida possui um sabor muito marcante. E para quem não perde oportunidade de degustar uma boa taça de vinho: boas notícias. Ele faz bem à saúde, especialmente, para o coração.

A nutricionista da Banca do Ramon, explica que se consumido moderadamente, os benefícios são muitos. “O vinho faz bem para a saúde cardiovascular porque possui flavonoides, e essa substância protege as células contra o envelhecimento e ajuda a combater doenças cardiovasculares. No entanto, deve ser sempre consumido com cautela”, conta.

E os chocolates?

Esses podem ser consumidos na sobremesa ou até mesmo podem ser presente no Dia dos Namorados, contudo, para manter a saúde em dia, consuma com moderação. Os chocolates que possuem 70% de cacau em sua composição tem mais benefícios à saúde. Mesmo que o seu consumo não seja tão comum quanto os outros tipos, para quem já possui o hábito de cuidar da alimentação, optar por ele não soa como algo diferente. “Os chocolates amargos trazem uma série de benefícios, faz bem a pele, melhora a pressão arterial, promove sensação de bem-estar, reduz o colesterol ruim, entre outras vantagens. Já os chocolates que possuem menos cacau não tem esses mesmos benefícios. Alguns hábitos alimentares parecem ser difíceis, mas é uma questão de hábito, e isso pode ser adquirido aos poucos e orientado durante as consultas”, finaliza a nutricionista.

Fonte: Banca do Ramon

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here