Rodada de Três Lagoas encerra 1ª fase da 15ª edição da Copa Assomasul

O confronto de sábado será entre Três Lagoas, Chapadão do Sul, Costa Rica, Paranaíba, Cassilândia e Selvíria.

A cidade de Três Lagoas, no leste do Estado, vai finalizar a primeira fase da Copa Assomasul de futebol neste sábado (21) recebendo os times de Chapadão do Sul, Costa Rica, Paranaíba, Cassilândia e Selvíria. Eles se juntarão ao anfitrião na disputa pelas três últimas vagas em disputa.

Das 60 equipes que iniciaram a 15ª edição do maior torneio de futebol entre servidores municipais do Centro-Oeste, praticamente metade já deu adeus ao sonho de lutar pelo título da competição, cujo início se deu no dia 3 de março em Campo Grande.

A 11ª e última etapa dessa primeira fase acontece na região leste de Mato Grosso do Sul depois de passar pelas cidades de Campo Grande, Naviraí, Taquarussu, Ribas do Rio Pardo, Bandeirantes, Antônio João, Sidrolândia, Maracaju, Sete Quedas e Paranhos.

O palco das seis partidas – das quais três times se classificam – será o Estádio Benedito Soares da Mota, ‘Madrugadão’, praça esportiva que já recebeu grandes jogos do campeonato estadual de futebol profissional do Estado, além de competições de nível nacional.

Quem passar nessa última rodada vai se juntar a Aquidauana, Dois Irmãos do Buriti, Campo Grande, Juti, Itaquiraí, Novo Horizonte do Sul, Nova Andradina, Bataguassu, Taquarussu, Ribas do Rio Pardo, Santa Rita do Pardo, Jaraguari, Sonora, Figueirão, Bandeirantes, Antônio João, Porto Murtinho, Bela Vista, Terenos, Sidrolândia, Corumbá, Maracaju, Deodápolis, Nova Alvorada do Sul, Sete Quedas, Aral Moreira, Coronel Sapucaia, Amambai, Tacuru e Iguatemi.

PREMIAÇÃO

Este ano, o prêmio do goleiro menos vazado e do artilheiro da competição passou dos atuais R$ 700 para R$ 1 mil. As demais premiações foram mantidas, ou seja, R$ 12 mil para a equipe campeã; R$ 8 mil para o segundo lugar; R$ 6 mil para o terceiro e R$ 2,5 mil para quarto, além de troféus e medalhas.

A 15ª Copa Assomasul conta com o apoio do Governo do Estado, por meio Fundesporte, Cassems (Caixa de Assistência dos Servidores de Mato Grosso do Sul), Confaz-M (Conselho dos Secretários Municipais de Receita, Fazenda e Finanças de Mato Grosso do Sul), Sanesul (Empresa de Saneamento de Mato Grosso do Sul) e Construtora B & C LTDA (Iluminação e Construção).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *