Geral

Prefeitura de Ponta Porã e Agesul iniciam recuperação de pontos críticos

A Prefeitura de Ponta Porã, através de Secretaria Municipal de Obras, iniciou o trabalho de recuperação de pontos críticos e também de manutenção nas estradas que ligam a área urbana do município com a região da Fazenda Jotabasso. Uma delas é a MS 380.

Uma pá carregadeira fez o trabalho de limpeza das caixas de contenção da água das chuvas, um serviço essencial para garantir as condições de tráfego no momento em que se aproxima a colheita da safra de verão bem como o início das aulas nas escolas que atendem estudantes que moram nas áreas rurais.

Assim que estiver em condições a Prefeitura vai enviar mais máquinas. De acordo com o prefeito Hélio Peluffo Filho, a maior parte do maquinário de Município encontra-se em péssimas condições de uso e está sendo feito um trabalho intenso visando recuperar a frota pertencente à Secretaria Municipal de Obras.

Um dos objetivos é deixar a MS 380 em boas condições uma vez que esta estrada é a principal ligação entre centenas de propriedades rurais com a sede do município. Esta estrada se constitui numa via fundamental para o escoamento da produção em Ponta Porã, município que possui a segunda maior área plantada de soja em Mato Grosso do Sul.

A Agesul , órgão do Governo do Estado responsável pelas estradas estaduais, também está fazendo um trabalho de manutenção da pista. Desta forma, a recuperação e manutenção da estrada é feita em parceria da Prefeitura com o Governo do Estado. Um dos trabalhos a ser feito será recompor o cascalho da pista.

A Agesul também trabalha na “Estrada da Mariquinha” uma ligação da MS 380 com a MS 164 que liga Ponta Porã a diversas cidades do estado, como Antônio João, Maracaju e Campo Grande além do distrito de Nova Itamarati.

Estas estradas receberão grande fluxo de veículos nos dias 25 e 26 de janeiro quando a Fazenda Jotabasso, em Ponta Porã, estará recebendo um grande evento do agronegócio brasileiro: a abertura oficial da colheita da soja no Brasil.