Funcionários anunciam greve na Rede Municipal de Ensino em Corumbá nesta semana

0
6

Em busca do abono salarial e da incorporação ao piso nacional, os servidores da Rede Municipal de Ensino (REME) de Corumbá anunciaram que vão entrar em greve na próxima sexta-feira (18). A decisão foi tomada em assembleia, nesta segunda-feira (14), com o apoio do Sindicato Municipal dos Trabalhadores em Educação (Simted).

A categoria pede que o abono de 7,64%, concedido em 2017, seja incorporado ao salário e também solicitam o cumprimento do piso nacional de 6,81%.
De acordo com a presidente do Sindicato, Raquel Guimarães do Prado, a prefeitura e a Secretaria de Educação não quis negociações, alegando altos números nas folhas de pagamento.

Para ela, “Esse índice do piso nacional até chegamos a propor que seja parcelado, mas na última reunião que tivemos com o prefeito Marcelo Iunes e representantes da Secretaria de Educação, foi informado que não há negociação nesse momento porque a folha de pagamento dos servidores municipais está no limite da Lei de Responsabilidade Fiscal e vai ser iniciada uma série de medidas para reduzir o valor”, explicou Raquel Prado.

Em entrevista ao Diário Corumbaense, a presidente também afirmou que haverá uma nova reunião no dia 15 de junho, mas não para sinalizar sobre o pagamento do piso e a incorporação dos 7,64%, e sim para informar sobre os ajustes na folha salarial.

Ainda segundo Raquel, a negociação deveria ter sido feita desde outubro do ano passado com o prefeito Ruiter Cunha, mas não aconteceu e ele veio a falecer em novembro.

“Mandamos ofícios ao prefeito Marcelo Iunes e ele só nos recebeu em março. Foram três reuniões até agora, sendo a última no começo de maio. Sem a sinalização de negociação, a categoria optou pela greve. A paralisação inicia no dia 18 e vai até o dia 31 de maio. Se até esta data não estiver nada decidido, vamos estender com outra data também com início e fim.”

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here