O ex-secretário de Estado e Infraestrutura de Mato Grosso do Sul, engenheiro Marcelo Miglioli faz em Três Lagoas, nesta sexta-feira, dia 13 de julho, o quarto lançamento regional da sua pré-candidatura ao Senado. O evento irá reunir prefeitos, vereadores, líderes classistas e moradores de Três Lagoas no Papillon Buffet, a partir das 19 horas.

Para o pré-candidato ao Senado, Marcelo Miglioli, “Vamos nos apresentar, dizer o que fizemos como secretário  de Infraestrutura do governador Reinaldo Azambuja e defender a continuidade desse projeto político que vem dando certo, porque mesmo na crise já construímos e concluímos mais de mil obras, trabalhando em parceria com os municípios e sem nenhum empréstimo”, diz.

No município de Três Lagoas, Marcelo Miglioli pretende reunir prefeitos e lideranças da região do Bolsão, noroeste de Mato Grosso do Sul e parte do Vale do Ivinhema. Usando o mesmo formato de reunião já realizadas nos municípios de Jardim, Amambai e Rio Verde, com grande presença de público.

Miglioli ainda irá percorrer antes do evento, os municípios da região, conversando com prefeitos e lideranças e convidando pessoalmente para o lançamento regional.  O pré-candidato já visitou Três Lagoas, Paranaíba, Cassilândia, Chapadão do Sul, Paraíso das Águas e Costa Rica, ouvindo as necessidades e garantindo apoio para o seu projeto político.

Ainda segundo Marcelo Miglioli, “Nós entendemos que o Estado não pode mais andar para trás, muito menos embarcar em uma aventura de resultados altamente duvidosos. Para não errar, é importante avançar com o projeto que está dando certo e entregando o que prometeu para a população”, assinala Miglioli, dando como exemplo desse resultado, a construção do Hospital Regional de Três Lagoas, um empreendimento que vai atender toda a geografia do atendimento de saúde em toda uma grande região”, aponta.

O Hospital Regional de Três Lagoas está em plena construção, o Hospital tem 15.687,00 m² terá capacidade para 138 leitos e contará com blocos setorizados: Bloco A, Bloco B, Bloco D e os anexos. A previsão é que sejam empregados 652 funcionários em quatro turnos.

Além da saúde, o município recebe melhorias na segurança pública, na habitação, saneamento e infraestrutura que transforma a vida das pessoas.  Isto se repete nos demais 78 municípios e para o pré-candidato ao Senado, Marcelo Miglioli, “essa é a base do nosso trabalho, mostrar o que fizemos e o que podemos fazer pelo Estado e pelos municípios com um novo período de quatro anos”, destaca Marcelo, assinalando que na sua gestão na Seinfra, “o Mato Grosso do Sul demonstrou que é possível fazer obras, e obras de qualidade, sem corrupção”, conclui.