Confira a nota na íntegra:

OAB/MS: NOTA DE REPÚDIO

Em MS já ocorreram casos semelhantes, objeto de desagravos e ações da Ordem.

A Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional de Mato Grosso do Sul (OAB/MS), através de sua Diretoria, se solidariza à advocacia mato-grossense e repudia veementemente a violação de prerrogativas profissionais e agressão física sofridas pelo advogado Luciano Carvalho, no pleno exercício profissional, ao atender uma chamada, envolvendo um delito de trânsito. Não é a primeira vez que a advocacia sofre um atentado dessa envergadura. Em MS já ocorreram casos semelhantes, objeto de desagravos e ações da Ordem.

A OAB/MS registra que não tolera a violação de prerrogativas e adotará medidas judiciais, fará atos políticos e cobrará de nossos parlamentares para que abusos de autoridades sejam exemplarmente punidos. A Sociedade espera daqueles que devem proteger o cidadão de bem, preparo e atitudes profissionais e que possuam conhecimento mínimo da lei para que o exercício da cidadania sobreponha-se sobre o autoritarismo e a vilania.

Em agosto (Mês da Advocacia) a Seccional de Mato Grosso do Sul fará um grande ato em defesa das prerrogativas da advocacia.

Fonte: OAB-MS