Linha de cosméticos da Brazilian Kimberlite Clay conquista o mundo árabe

Fernanda, Alan e o sheik Saeed Bin Maktoum BN Rashid Al Maktoum _ Assessoria

A Brazilian Kimberlite Clay é uma empresa que é detentora de oito jazidas de argila vermelha, sendo que a principal delas foi descoberta em março do ano passado na região da Boa Sorte, no município de Corguinho. O empresário Alan Fernandes de Oliveira, filho do presidente do Grupo Dakila Pesquisa, Urandir Fernandes de Oliveira, é um dos diretores da empresa e é o encarregado de conduzir negociações para a exportação dos produtos à base dessa importante matéria-prima.

Ouvido pela Revista IMPACTO, Alan disse que a descoberta das jazidas surpreendeu até mesmo os pesquisadores dados os resultados das análises laboratoriais efetuadas por técnicos da Esalq – Escola Superior de Agronomia Luiz de Queiroz – da USP e que foram corroborados em outras análises realizadas no Canadá e outros laboratórios de renomes internacionais. “Foi constatada a existência de pelo menos 120 minerais na argila vermelha dessas jazidas que nós encontramos” explicou.

Utilizando a argila vermelha, a Brazilian Kimberlite Clay desenvolveu uma linha de cosméticos que está em plena expansão no mercado internacional. Hoje, a empresa exporta seus produtos para o mundo árabe, negociando diretamente com altas autoridades dos países importadores como o sheik Saeed Bin Maktoum BN Rashid Al Maktoum, de quem Alan se tornou amigo próximo e mantem contatos permanentes visando a exportação do produto.

Alan Fernandes de Oliveira relata que a história das negociações entre a Brazilian Kimberlite Clay e os povos árabes começou em 2016 em Dubai, quando estava sendo feita uma exposição com a matéria-prima utilizada pela empresa, que é a argila explorada nas sete jazidas de Mato Grosso do Sul. “Em uma dessas exposições, a olheira do Sheik nos encontrou e ficou bastante interessada em apresentar ao Sheik os nossos produtos. Foi aí que ela começou a fazer a ponte entre nós e o sheik Saeed Maktoum” relatou o empresário.

Prosseguindo ele conta que esse contato valeu um convite para que ele fosse ao Clube de Tiro, onde o sheik era praticante dessa modalidade esportiva. “Fomos assistir uma apresentação dele e lá fomos muito bem recebidos pelo Sheik, surgindo a partir daí uma sinergia tanto nos nossos negócios como nas nossas relações sociais e de trocas culturais” frisou.

O empresário relata que a partir desse primeiro contato praticamente todos os dias era convidado a ir ao Palácio Real para fortalecer as bases dos negócios. “Chegávamos diariamente por volta das três da tarde e as reuniões iam até o começo da madrugada abrindo portas sobre as nossas exportações tanto de matéria prima, a argila, quanto do produto final que é a linha de cosméticos da Kimberlite” contou.

Alan diz que o primeiro contato durou uma semana e que voltou outras vezes a Dubai, sendo sempre muito bem recebido pelo Sheik e seu staff. Esses encontros, conta Alan, valeu o fortalecimento das relações comerciais entre a Brazilian Kimberlite Clay e o sheik Saeed Bin Maktoum BN Rashid Al Maktoum, assim como criou fortes laços de amizade entre as partes envolvidas nas negociações.

Nesse ponto, Alan se emociona ao relatar que esse sentimento de respeito mútuo surgido entre eles fez com que o Sheik lhe pedisse para abençoar a sua união com sua namorada, Fernanda, em cerimônia realizada no Palácio Real, fato que não ocorria há mais de 30 anos em Dubai.

Para a realização da cerimônia, relata Alan, o Sheik precisou fazer algumas adequações na legislação, uma vez que a lei vigente da época não permitia a união de dois estrangeiros em território árabe.

Assim, Alan e Fernanda formalizaram a união na Mesquita Real de Dubai, sendo abençoados pelo Saeed Bin Maktoum BN Rashid Al Maktoum, que foi o padrinho do casamento de Alan.

A averbação da união de Alan e Fernanda foi feita pelo juiz de Abu Dhabi que se deslocou ao Palácio Real especialmente para oficializar a união do casal e se tornou padrinho de casamento da Fernanda. O empresário relatou, ainda, que ele e sua esposa se batizaram na religião muçulmana.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here