Mais quatro mortes por vírus da gripe são confirmadas no MS

Segundo o boletim epidemiológico da Influenza da SES (Secretaria de Estado de Saúde) divulgado nesta quarta-feira (7), mais quatro mortes foram confirmadas em decorrência do vírus da gripe. Todas esses últimos casos envolveram pessoas idosas.

Com esses novos óbitos, o número de mortes sobem de 49 para 53. Dentre as pessoas vítimas da doença há um idoso, 64 anos de idade, que faleceu na última sexta-feira, 2 de agosto, em Campo Grande.

As outras três pessoas falecidas também são idosas, sendo um homem de 70 anos, que morreu em Fátima do Sul, uma idosa de 67 anos, residente em Corumbá e uma outra mulher, 85 anos, de Sidrolândia.

Conforme a SES, das 53 mortes confirmadas, 48 ocorreram por contaminação com o vírus H1N1, duas pelo vírus H3N2 e três por um subtipo não identificado. A Capital é a cidade que mais apresenta mortes pela doença, com 19 no total, em seguida, está Três Lagoas com o registro de 6 mortes.

Os dados chamam a atenção por ser o maior índice de mortes registrados em Mato Grosso do Sul, na última década. O registro de 2019, com 53 mortes por gripe fica atrás apenas apenas do balanço de 2016, quando 103 pessoas morreram no Estado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here