Policiais Militares Ambientais de Batayporã localizaram, em uma propriedade rural, localizada a 40 km da cidade, durante fiscalização, madeira armazenada sem o documento de origem expedido pelo órgão competente.

No total, haviam 408 estacas para cerca de madeira da espécie angico, medindo 7 m³, conteúdo este que,  não possuía autorização ambiental (DOF – Documento de Origem Florestal), que é o documento legal para se ter em depósito ou transportar qualquer produto florestal. A madeira foi apreendida.

O proprietário, residente em Santa Cruz do Monte Castelo (PR), foi autuado administrativamente e multado em R$ 2.100,00. Ele também responderá por crime ambiental, com pena prevista de seis meses a um ano de detenção.