Policiais Militares Ambientais de Campo Grande realizavam fiscalização de prevenção e combate a crimes ambientais no município de Dois Irmãos do Buriti, e autuaram ontem (27) um produtor rural, por uso de um motosserra ilegal e por incêndio em material lenhoso ilegalmente. O infrator realizava o corte de lenha utilizando uma motosserra ilegal e, além disso, ainda provocou incêndio em parte da vegetação que estava nas leiras sem a autorização ambiental.

O proprietário possuía licença ambiental para extração da madeira, porém, a motosserra não possuía Documento de Porte e Uso (LPU), que é a licença ambiental para transporte e utilização deste tipo de máquina e foi apreendida, bem como não poderia ter feito uso de fogo na madeira. O infrator, residente na propriedade, foi autuado administrativamente e foi multado em R$ 5.000,00.

O uso de motosserra sem o documento de Porte e Uso (LPU) caracteriza-se crime ambiental, com pena prevista de três meses a um ano de detenção.