Dionizio solicita no Ministério da Saúde habilitação de Centro de Parto Normal do hospital

O deputado federal Elizeu Dionizio (PSDB-MS) solicitou na noite de ontem (2/5) ao Ministro da Saúde, Ricardo Barros, a habilitação do Centro de Parto Normal do Hospital Beneficente Dona Elmíria Silvério Barbosa, localizado em Sidrolândia (MS). Este reconhecimento pode assegurar R$ 50 mil mensais para o atendimento à mulher parturiente.

O processo do Centro de Parto Normal, que é o primeiro de Mato Grosso do Sul, já está aprovado pela equipe técnica da saúde da mulher da pasta, dependendo apenas ser habilitado para firmar convênio com o Ministério e começar a receber R$ 50 mil/mês.

“Com a habilitação fica assegurado o atendimento às gestantes e parturientes pelo hospital, que é referência no município e em todo o Estado pelo trabalho sério e responsável que realiza”, afirmou o deputado após a reunião. No encontro, o ministro afirmou que vai priorizar a habilitação para que o hospital receba o recurso.        

Participaram da reunião também o presidente da entidade mantenedora do hospital, Jair Nascimento, e a assessora técnica Dinaci Ranzi.

 Hospital

O Hospital tem desempenhado um papel fundamental na linha de frente da saúde pública de Sidrolândia e nestes últimos anos tem recebido reconhecimento municipal, estadual e federal no que se refere a qualidade de serviços oferecidos à população. A unidade hospitalar é a porta de entrada da Rede de Urgência do município, dando suporte integral à Rede Básica e integrado com a Rede de Saúde para atender as diretrizes da Política Municipal de Saúde, sempre fortalecendo o cuidado aos usuários. Também oferece seus serviços dentro dos preceitos da humanização.

O hospital foi inaugurado em março de 2016, sendo que a unidade foi construída e equipada com recursos próprios e de doações, com investimentos totais de R$ 322 mil. Atende os pacientes 24h, sendo que até agora 205 mulheres tiveram bebê no Centro de Parto Normal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *