A Câmara Municipal de Campo Grande recebeu representantes dos motoristas da Uber para discussão da regularização do serviço de transporte de passageiros na Capital.

Fizeram uso da palavra na Tribuna, o presidente da Associação dos Parceiros em Aplicativos de Transporte de Passageiros, Motoristas Profissionais e Autônomos de Mato Grosso do Sul (APPLIC), Paulo César Teodoro Pinheiro, e o presidente da Associação de Aplicativos de Mobilidade Urbana (AMU), Wellington Dias da Silva.

O vereador Otávio Trad (PTB), que acompanhou o pronunciamento dos representantes de motoristas da Uber, ressalta que diante das divergências entre envolvidos na questão, é fundamental garantir o amplo debate sobre a regularização.

“Fizemos uma pesquisa sobre a Uber em outras cidades e vemos que há divergência de pensamento entre taxistas e motoristas de Uber, e também entre Câmaras de Vereadores e Prefeitos. Por isso, nada melhor que otimizar a discussão para que possamos chegar a um consenso. Vejo a atitude prefeito como ato de coragem, ao falar sobre tema e tentar resolver questão, e de humildade em voltar atrás para discutir o assunto.”

Como presidente da Comissão Permanente de Legislação, Justiça e Redação Final da Câmara, o vereador antecipou que vai acompanhar de forma efetiva todos os debates propostos pela Casa, durante as sessões ordinárias, assim como a audiência pública que deve ser realizada em breve. “Como presidente da Comissão de Justiça vou acompanhar a discussão e quero participar de maneira efetiva da audiência pública sobre tema, pois a maneira democrática como estamos debatendo esta situação, com certeza, vai trazer benefícios para toda população campo-grandense e será muito importante para cidade.”