Sem acordo salarial, motoristas de transporte coletivo da Capital anunciam paralisação na sexta

Sem conseguirem chegar a um acordo salarial, motoristas de ônibus anunciam que deverão paralisar na sexta-feira (6) na Capital. A ação em protesto está prevista para acontecer entre as 4h30 às 6h30.

Neste período os ônibus não sairão das garagens. A estimativa é de que 800 funcionários do Consórcio Guaicurus participem da manifestação.

Conforme informado pelos motoristas, a intenção não é prejudicar os usuários do transporte coletivo, mas chamar a atenção dos empresários.

Ao que tudo indica o protesto é mais um sinal de que o transporte coletivo está desagradando colaboradores da empresa e usuários. Recentemente, a mídia campo-grandense tem veiculado vários problemas no sistema que vai desde a reclamação de poucos ônibus até problemas de alagamento em terminais.

“Não queremos prejudicar a população, mas queremos chamar a atenção dos empresários”, diz um dos motoristas. Os trabalhadores afirmam que a paralisação por duas horas está dentro da lei e que motoristas de todas as garagens do Consórcio Guaicurus devem participar, totalizando cerca de 800 funcionários.

Conforme informações veiculadas pelo site Midiamax, os motoristas não concordam com o STTCU (Sindicato dos Trabalhadores em Transporte Coletivo Urbano de Campo Grande) e acusam o sindicato de estar alinhado com os interesses dos empresários.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here